O abandono de quem lhe deu a mão quando mais precisou. A realidade atual de idosos deixados no esquecimento esperando ao lado do telefone um simples “oi”

Quem acha que o abandono se relata só na parte física, está totalmente enganado também mexe com a parte emocional das pessoas, principalmente idosos.

Na verdade, os nossos idosos passaram uma a sua vida, privando de algumas coisas, para conseguirem criar os filhos, ter um lar, preocupados com os estudos, e também sempre protegendo das falsas amizades. Mas hoje em dia esses mesmos idosos, são menosprezados, pelos filhos, que hoje são ingratos.

Uma maioria deles, estão largados ao abandono, muitos sem eira nem beira, outros em lar de terceira idade, mesmo contra a própria vontade.Mas além disso, tem aqueles que ainda tem sua casinha, e passam o tempo na esperança que o telefone toque , para apenas escutar um “oi”, do outro lado da linha, de alguém que deu a vida e tudo que podia e não podia por eles.

Na verdade, trata-se de pais idosos, que foram deixados de lado, sem presença física ou até mesmo um carinho, um afeto. Um abandono que os idosos, são mais prejudicados, e mais comum do que deveria existir. Uma vida de uma velhice sozinha.

A necessidade extrema de falta dos bens essenciais, como roupa, comida e um bom banho. Eis a falta de cuidados, que hoje em dia se resume em lembranças. Idosos que foram deixados de lado, ao abandono por alguém que eles fizeram de tudo para serem o que eles são, abandonados pelos filhos.

Alguns deles, maioria das vezes, acabam nem por terem as minimas condições de se cuidarem deles próprios sozinhos, acabam sempre por ser dependentes de alguém.

Mas não é apenas o abandono que se resume em um único fato, mas existe outras várias formas relativas a abandono. Por exemplo já no caso de não fazer uma ligação, uma visita, não conversar ou ter paciência, para que eles façam no seu tempo de uma forma tao cruel.

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!